Terça-Feira, 05 de Junho de 2018 às 11:13

Buracos cobertos de lama prejudicam o acesso às paradas de ônibus

O período chuvoso traz muitos transtornos para a população de Boa Vista. Um destes transtornos é a formação de poças de água e lama em frente às paradas de ônibus. É o caso de um ponto de ônibus na Avenida Capitão Júlio Bezerra, próximo a uma loja de construções, no bairro Trinta e Um de Março, a quantidade de lama impede que passageiros aguardem a condução na parada.


Além de esses alagamentos prejudicarem a passagem para entrada no ponto, há quem diga que já “levou banho”, que não conseguiu pegar o ônibus e quem teve que esperar um pouco mais à frente por não conseguir acessar o local.


É o caso de Beatriz Oliveira, estudante de 19 anos, moradora do bairro Equatorial. Ela afirmou que a parada de ônibus próxima à sua casa é praticamente inacessível por conta da lama e buracos. “Lá no bairro Equatorial, onde moro, sempre acontece. Tem um buraco muito grande. Quando chove enche de lama e temos que esperar um pouco mais à frente em uma parada antiga porque senão nos molhamos”, contou.


Assim como Beatriz, outros boa-vistenses reclamam da mesma situação. Essas situações ocorrem com frequência nos bairros Equatorial, Santa Tereza, Silvio Leite e Cambará. O vendedor José Kilson relatou que o pai, que costuma pegar condução na Avenida Ataíde Teive no bairro Cambará, já ficou molhado por causa das enormes poças de lama em frente às paradas. “Nunca aconteceu comigo, mas meu pai, que geralmente anda de ônibus já ficou molhado esperando o ônibus, e a gente nem vai atrás porque tem muita burocracia que nem vale à pena”, disse.


Já a moradora do bairro Trinta e Um de Março reclama de outro problema no transporte público. A aposentada Maria da Conceição, de 67 anos, informou à Folha que motoristas de ônibus não esperam idosos entrarem no veículo e assim já teria se machucado na catraca. “Há muitos buracos na cidade inteira, não só nas paradas de ônibus. Meses atrás bati meu braço por conta dos buracos em meu bairro, pois o motorista não aguardou que eu entrasse corretamente e os buracos fizeram eu me bater”, relatou.


ROTA ESCASSA – Moradores do bairro Paraviana afirmam que a rota do bairro não está sendo inteiramente cumprida. Segundo um usuário do transporte público no local, há paradas de ônibus, mas não há rota no local. “Tem muitas paradas no meu bairro, lá na Rua Pitombeira quase não passa, nem todas elas [as paradas] têm ônibus circulando, o que aconteceu? Mudaram a rota ou diminuíram a frota?”, questionou.


OUTRO LADO – Em nota, a Prefeitura de Boa Vista declarou que a Secretaria Municipal de Obras irá averiguar os pontos alagados citados na matéria. Afirmou que a Empresa de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Emhur) está realizando um estudo técnico para atender todos os abrigos localizados na Rua Pitombeira, no bairro Paraviana, que até o momento é atendido em parte pela linha 112 (Caçari/Equatorial).


Qualquer denúncia a respeito de irregularidade no transporte público deve ser feita pelo telefone 156, informando dados suficientes para apuração do caso. As denúncias são encaminhadas para a Emhur e se comprovada alguma irregularidade, serão tomadas as medidas cabíveis. (G.L) 

Tag's: buracos, lamas, prejudicam, ônibus

Fonte: Folha BV

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADESS