Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018 às 15:07

Aumenta número de brasileiros com Sarampo em Roraima

Já são 234 os casos notificados de sarampo em Roraima, dos quais 59 foram confirmados, 166 permanecem em investigação e 9 foram descartados. Também aumento o número de brasileiros acometidos pela doença, num total de 14. Os outros 45 casos confirmados são em venezuelanos.


Na divisão por municípios, o maior número de casos (46) se encontra em Boa Vista. Os outros 12 foram confirmados em Pacaraima e um em Uiramutã. Todos têm o mesmo genótipo identificado na Venezuela em 2017, conforme exame realizado pelo laboratório de referência nacional Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), no Rio de Janeiro.


O município de Mucajaí também passou a integrar o boletim com casos notificados, somando um total de 10 municípios. A capital roraimense continua sendo o município com o maior número de casos notificados, 156 no total, seguido por Pacaraima com 51 registros, Cantá com 10, Amajari com 9, Rorainópolis e Alto Alegre com dois casos cada e Caroebe, Mucajaí, São João da Baliza e Uiramutã com um caso cada.


As ações de vigilância epidemiológica têm contado com o apoio do Ministério da Saúde, que mantém uma equipe no local para apoio às equipes municipais e estadual. De acordo com a Coordenação de Vigilância em Saúde, desses 45 casos de venezuelanos, 22 são indígenas da etnia Warao. Também já foram registrados dois óbitos por sarampo em crianças venezuelanas no município de Boa Vista.


Daniela Souza, coordenadora Estadual de Vigilância em Saúde, ressaltou a importância da vacinação como única forma de prevenção. “O sarampo é uma doença altamente contagiosa e por isso é muito importante que a população verifique sua carteira de vacinação e procure os postos de saúde já que a vacina tríplice viral é a única forma de prevenção à doença”, disse.


A campanha de vacinação contra o sarampo encerra nesta terça-feira, 10 de abril. Após essa data, municípios e Estado se reunirão para analisar os dados coletados e definir como e onde a campanha precisa continuar. Até o momento já foram aplicadas mais de 50 mil doses da vacina, que além de imunizar contra o sarampo, também age contra a Caxumba e a Rubéola.


SINTOMAS – É importante que a população fique atenta aos sintomas como: febre e exantema (manchas avermelhadas), acompanhados de tosse e/ou coriza e/ou conjuntivite. Quandoidentificado um ou mais desses sintomas a pessoa deve procurar um médico. 

Tag's: casos, notificados, sarampo, Roraima, brasileiros

Fonte: folharr.com.br

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADESS