Segunda-Feira, 08 de Outubro de 2018 às 18:05

27 pessoas são por suspeita de crime eleitoral

 Conforme balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Civil (PC-RR), 27 pessoas foram presas ou detidas por suspeita de crime eleitoral em Roraima neste fim de semana de eleição. Também foram registrados casos de descaminho.

 

No total, R$ 45.327 foram apreendidos com essas pessoas. Os casos foram registrados nos municípios de Boa Vista, Caracaraí e Rorainópolis. O balanço foi divulgado nesta segunda-feira (08).

 

 

POLÍCIA CIVIL

 

A Polícia Civil de Roraima registrou três ocorrências no último fim de semana, quando ocorreu a eleição 2018 para presidente, governador, senadores e deputados federais e estaduais.

 

Conforme divulgou a Polícia, em uma das ocorrências, no município de Rorainópolis, regiçao Sul de Roraima, duas pessoas foram presas com R$ 3,3 mil em espécie, que seria usado para compras de voto, além de uma grande quantidade de 'santinhos'.

 

"Após a lavratura do flagrante foi arbitrada fiança, que foi paga pelos acusados resultando posteriormente na soltura de dois acusados", acrescentou, em nota.

 

No segundo caso, três pessoas foram detidas com uma quantia de R$ 4.227. "Os suspeitos não souberam explicar a origem. Neste caso a quantia foi apreendida e os três detidos liberados, as investigações seguem para descobrir a origem do valor apreendido", afirmou a Polícia.

 

Mais duas pessoas foram detidas, em outra ocorrência, portando R$ 9,1 mil em espécie. A origem do dinheiro também não foi explicada às autoridades. "Ambos foram liberados, conforme procedimento legal, e o dinheiro também ficou sob tutela da autoridade policial".

 

Ao todo, sete pessoas foram presas no município de Rorainópolis por suspeita de crime eleitoral e as quantias apreendidas somaram R$ 16.627.

 

"As investigações dos três casos seguem, na busca de localizar a origem do dinheiro, o provável destino e o envolvimento de mais pessoas nos casos", explicou a Polícia Civil.

 

PRF

 

Conforme relatório Polícia Rodoviária Federal, a PRF registrou quatro ocorrências de crimes eleitorais, uma em Caracaraí, outra em Rorainópolis e duas em Boa Vista, além de cinco ocorrências de crime de trânsito e uma de descaminho. No total, 20 pessoas foram detidas e encaminhadas para a polícia judiciária.

 

Foram apreendidos um total de R$28.700,00 e vales de abastecimento de combustível por suspeita de compra de votos, além de materiais de campanha desautorizados.

 

A ação ocorreu durante a Operação Eleições 2018 que iniciou no último dia 29 de setembro em Roraima e terminou nesta segunda.

 

Também tiveram ocorrência de acidentes. Durante os dez dias de operação, foram contabilizados oito acidentes de trânsito nas rodovias federais de Roraima, onde três pessoas perderam a vida e sete ficaram feridas gravemente.

 

Vistoria

 

Cerca de 250 testes de etilômetro (bafômetro) foram feitos e duas pessoas foram flagradas dirigindo sob efeito de álcool.

 

As infrações mais verificadas no período foram de crianças sendo transportada sem a cadeirinha, ultrapassagens irregulares e excesso de velocidade. Ao todo, 2.700 pessoas e 2.500 veículos foram fiscalizados ao longo dos dez dias de operação.

Tag's: presos, suspeitos, crime eleitoral

Fonte: Roraima em tempo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADESS