Domingo, 07 de Outubro de 2018 às 12:30

Grávida entra em trabalho de parto no local de votação

 Um mulher grávida presente na Escola Arthur Virgílio Filho, localizada na rua Nossa Senhora de Fátima, no bairro Santa Etelvina para votar, entrou em trabalho de parto e foi socorrida por agentes do Manaustrans, que acionaram o Samu.

 

A grávida foi levada para a Maternidade Azilda da Silva Marreiro, na avenida Samaúma, Cidade Nova, ao lado do SPA Galileia, conforme informações do Manaustrans.

 

Não há informações sobre o estado de saúde da mãe e bebê.

 

Efetivo na rua

 

De acordo com o Comandante da Polícia Militar Claudio Silva, a PM dispõe de um efetivo total de 2147 policiais militares nas ruas da capital, além de 2141 no interior do Estado. "Estamos a postos para resolver qualquer situação, portanto todo o efetivo da Polícia Militar foi convocado para atuar neste dia tão importante para o Brasil", aponta.

 

Além da PM, a Polícia Civil também convocou reforço para atuar na capital, e interiores do Estado.

Tag's: GRÁVIDA, TRABALHO DE PARTO, VOTAÇÃO

Fonte: Em Tempo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADESS